Este mapa mostra-nos os países em risco de ataque por parte da Coreia do Norte!

O mundo está em estado de alerta. Toda a gente está a par do que se tem passado com os Estados Unidos da América, a Coreia do Norte, a Rússia, enfim, a brincadeira com os mísseis e com as bombas nucleares parece que não vai acabar tão cedo…nem bem!

Para agravar a situação, foi numa entrevista bem recente à BBC que um oficial da Coreia do Norte disse que eles planeiam continuar os seus testes de mísseis a nível intercontinental, na esperança de desenvolverem uma arma poderosa o suficiente para atingir algo mais que não seja somente o seu país vizinho!

Há poucos meses, a Coreia do Norte recusou mesmo em retirar a pressão no que toca a balística e continuou, sem quaisquer tipo de problemas, a desenvolver os seus mísseis e armas nucleares e a fazer testes e mais testes.

A pergunta é: Quem é que a Coreia do Norte pode atacar eficientemente com os seus mísseis?

Bem, de acordo com o George C Marshall Institute, eis a distância hipotética que estes mísseis podem atingir e os países visados:

No entanto, o Taepodong 2, um tipo de míssil bem potente, é bem mais preocupante…

Veremos o que acontece…