Putin andou a testar um novo tipo de bomba na Síria!

O mundo tem andado agitado com todas as guerras nucleares e bombas para um lado e para o outro que têm sido lançadas nos últimos tempos. Desta vez, Vladimir Putin é o “culpado” de tudo.

Há filmagens que mostram alguns jatos russos a lançarem bombas para as forças rebeldes, na Síria.

Estamos a falar de explosões massivas nas cidades de Souran, Taibat al-Imam, Halfaya e Lataminah. Da parte da Rússia foram enviados cinco aviões de guerra e dois helicópteros; para além disso, a filmagem mostrou um novo tipo de bomba que estava a ser utilizado.

Mas há mais novidades da parte de Putin. Aparentemente, o presidente da Rússia tem trabalhado numa “bomba secreta” que é quatro vezes mais poderosa do que aquela que os Estados Unidos da América utilizaram para atacar o Daesh num esconderijo no Afeganistão, há poucos dias atrás.

O que ainda não se confirmou foi a utilização desta bomba secreta nos últimos ataques aéreos.

Confere…

Um voluntário da White Helmets que testemunhou ao vivo os ataques russos, Laith Ahmed, disse ao Daily Mail: “A bomba explodiu a uma altura de 150 metros acima do chão e depois as munições começaram a cair. Sempre que algo tocava o chão, enviava chamas para todas as direcções”.

Onde é que isto vai parar?